1. Início
  2. Artigo
  3. Responsabilidades do comitê de Compliance Trabalhista

Responsabilidades do comitê de Compliance Trabalhista

A formação do Comitê do Compliance Trabalhista acontecerá durante a fase de planejamento da implantação do Programa e sua composição será interdisciplinar e com indicação soberana da diretoria da empresa.

Destaco que a áreas dos membros do Comitê abrangem, na maioria dos casos, os seguintes setores: diretivo, recursos humanos, jurídico, administrativo e financeiro e produção da empresa.

Os membros do comitê terão importantes responsabilidades, tais como:

(1)  participar ativamente das reuniões periódicas de alinhamento e gestão dos pilares que compõem o programa do Compliance;

(2)  identificar antecipadamente problemas internos e desvios de conduta dos colaboradores e terceiros;

(3)  conscientizar os empregados com ações afirmativas de incentivo à conformidade da lei e das políticas internas;

(4)  oferecer suporte aos empregados em qualquer situação de denúncias de desvios de conduta;

(5)  adotar posturas corretivas e pedagógicas perante os empregados.

Além disso, o monitoramento constante fará parte do dia a dia dos membros do comitê do compliance trabalhista para o sucesso dos atos executados no programa do compliance trabalhista da empresa.

Conheça as 5 principais obrigações!

Vamos estudar?

Nenhum resultado encontrado.

Nenhum resultado encontrado.

Sua opinião é importante! Deixe um comentário!

Aprofunde seu conhecimento

Menu